Mulheres na Ciência discute gênero na área científica

Nas profissões, encontra-se um dos tantos reflexos da desigualdade de gênero na sociedade. Algumas áreas foram especialmente negadas às mulheres, que seriam “inadequadas” para este estudo. Mas já tá mais que provado que isso não passa de preconceito! 

E muitas mulheres comprovam a capacidade feminina na ciência diariamente, essa área tão catalogada como masculina. Para quebrar preconceitos e discutir sobre o tema, o “Mulheres na Ciência” traz a professora Dra. Jaqueline Leta, do Departamento de Bioquímica Médica da UFRJ, no dia 22 de maio, às 14h, no auditório do Museu Ciência e Vida.

 

O evento procura evidenciar o papel das mulheres nas pesquisas científicas do país, a possibilidade da carreira como uma escolha independente de gênero e esclarecer as áreas de estudo para as pessoas interessadas. Na pesquisa da professora Leta, um dos destaques é justamente a comparação em termos de produção acadêmica entre mulheres e homens, dado relevante para se pensar a construção social da ciência através da desigualdade de gênero.

 

Esta é a primeira edição do programa, que estreia na Semana de Museus, e integra as ações do museu para promoção da ciência como carreira e despertar novos talentos. Os interessados podem se inscrever pelo telefone 2671-7797. A atividade é gratuita e oferece certificado.

 

Serviço:

Mulheres na Ciência – Dra. Jaqueline Leta

Quando: 22 de maio, 14h

Local: Museu Ciência e Vida

Rua Ailton da Costa, 25 – Jardim Vinte e Cinco de Agosto, RJ, 25071-160

Telefone:(21) 2671-7797

GRATUITO